quinta-feira, setembro 14, 2006

Cruzamento

Estou num ponto crítico da minha vida. Dentro de dias ou semanas, tudo pode correr incrivelmente bem, e em pouco tempo atinjo o paraíso na terra. De um momento para o outro posso realizar um sonho e ter uma oportunidade com a qual não se atreve a sonhar o mais comum dos mortais. Uma volta de 180º na minha vida, que a partir daí nunca seria igual. Ou então tudo pode correr como habitualmente, o que se traduziria essencialmente pela inevitabilidade de voltar à vulgaridade da minha monótona existência, simplesmente com mais uma frustração acumulada na bagagem. Não que as probabilidades sejam favoráveis porque pelo contrário são incrívelmente diminutas. Mas existem. E não, não estou a falar de mulheres. Já não considero que isso possa trazer grandes mudanças à minha vida, ou que seja um factor de sorte, ou até que dependa minimamente de mim. A todas aquelas que desejei dei pistas, e se não o entenderam foi porque não me desejavam verdadeiramente, ou então não tinham capacidade suficiente para amarem alguém que não a si próprias...

Mas voltemos ao essencial. Se eu tiver sorte, tudo mudará vertiginosamente, e nunca mais nada voltará a ser como antes...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial