sexta-feira, fevereiro 06, 2015

Ela invade-me os sonhos

Esta noite sonhei bastante. Numa das vezes, estava naquela cidade. Dirigia-me à Universidade, enquanto à minha volta centenas de estudantes passavam em clima de festa. Ela passou por mim, eu passei por ela, trocámos olhares, continuámos a caminhar, nada dissémos. 
Numa outra cena, subo ao sítio onde trabalha. Sigo-a até á saída. Quando a alcanço e olho, constato que não era ela.
Mesmo sem a ver, mesmo longe dela, ela invade-me os sonhos, habita o meu incosciente. Mas nem nos sonhos ela me fala.


0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial