domingo, abril 19, 2009

O Milagre Chegou

Penso ter descoberto o amor, ter-me descoberto a mim próprio, ter descoberto outra pessoa e uma nova forma de partilhar os momentos felizes da vida. Descobri a capacidade de amar sem medos, e isso o devo acima de tudo à pessoa que amo. Mas agora o problema não é encontrar, é manter. Não conseguirei querer sempre ceder e humilhar-me, sabendo que há o perigo real de o ciúme e ou o orgulho precipitarem o fim de um equilíbrio dificil na corda bamba da humanidade. Entrego a razão para evitar conflito, e sei que com isso estou a alimentar um monstro que um dia me vai engolir...

Se queremos ficar juntos, temos de trabalhar para conseguirmos sobreviver, mas com isso desgastamos o tempo que deveríamos ter para nós.

P.S.: Até agora nada escrevi, não tive necessidade, porque vivo embriagado na felicidade.
Quando estou bem, não escrevo. Se fosse escritor, estaria condenado.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial